Nós nascemos com a capacidade para nos matar-mos. Todos os anos um milhão de pessoas fazem essa escolha. Mesmo em sociedades onde o suicídio é ilegal ou tabu há pessoas que se matam.

Para muitas pessoas que pensam suicidar-se, parece que não há outra alternativa. Naquele momento, a morte descreve o mundo deles e não se deve subestimar os sentimentos deles - podem ser sentimentos muito fortes e imediatos.
Não se cura com mágica.

Mas também é verdade que:

  • O suicídio muitas vezes é uma solução permanente para um problema temporário.
  • Quando nos sentimos deprimidos temos uma perspectiva precária da situação actual. Um mês ou uma semana mais tarde as coisas parecerão completamente diferentes.
  • A maior parte das pessoas que em qualquer altura pensaram suicidar-se hoje estão contentes por estarem vivos. Eles dizem que não se queriam matar - só queriam que a dor passasse.

O mais importante é falar com alguém. Quem estiver a pensar suicidar-se não deve tentar resolver o problema sozinho. Peça ajuda AGORA mesmo.

  • Fale com a sua família ou amigos Falando com um membro da família, com um amigo ou com um colega pode sentir-se muito mais aliviado.
  • Fale com um Ajudante. Algumas pessoas não se conseguem abrir com a família ou com amigos: Algumas pessoas sentem-se mais à vontade a falar com pessoas estranhas.Há centros de apoio em todo o mundo, com aconselhadores com a formação adequada.
  • Fale com um médico. Se já há bastante tempo que se está a sentir deprimido ou a pensar suicidar-se talvez tenha depressão clínica. Isto é uma doença causada por desequilíbrio químico e normalmente pode ser tratada com medicamentos passados pelo médico e/ou por um terapeuta mais informações.

O tempo é um factor muito importante da vida mas o que acontece nesse tempo também é importante.

Se uma pessoa estiver a pensar suicidar-se, deve abrir-se com alguém imediatamente.